Passar para o Conteúdo Principal Top
Câmara Municipal de Montalegre
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Verificações técnicas no Europeu de Ralicross

04 Maio 2007
467a6b6b01 1 1024 2500
Mais de 60 pilotos inscritos, repartidos pelas Divisões 1, 1A e 2. Adrenalina começa a subir...
Após mais de meio ano de paragem, o Campeonato Europeu de Rallycross está de regresso. Montalegre e o Clube Automóvel de Vila Real estreiam-se em termos de ERC prometendo oferecer boa capacidade de resposta às altas exigências que se apresentam.
O evento apresenta uma lista de mais de 60 pilotos inscritos, repartidos pelas Divisões 1, 1A e 2, sendo a Divisão 1 a "divisão rainha" que concentra a maior expectativa.

 

PARADA DE ESTRELAS

Nomes como Lars Larsson (Skoda Fabia WRC) que é o campeão em título, Kenneth Hansen (Citroën C4 WRC), Sverre Isachsen (Ford Focus RS), Morten Bermingrud (Citroën Xsara WRC), Michael Jernberg (Ford Focus WRC), entre muitos outros, vão discutir ao milímetro o espaço em pista.
Contudo, há outros nomes que podem surpreender a qualquer momento como são exemplo Jos Kuypers, Per Eklund, Andreas Ericsson, ou mesmo do estreante no campeonato Olivier Anne.
Aguardadas com algumas expectativas são também as prestações de Jean-Luc Pailler, que estreia um novíssimo Peugeot 207; Ludvig Hunsbedt, um ex-campeão que regressa após alguns anos de paragem, com um novo projecto assente num Volvo S40; Ole Kristian Nottveit (Ford Focus); os russos Rustam Minnihanov e Ayrat Shaymiev, ou mesmo George Tracey, que estreia um Peugeot 307 WRC.
Quanto aos pilotos portugueses, nesta Divisão contam-se sete, encabeçados pelo campeão nacional, João Tabaio.
Segue-se a Divisão 1A, destinada aos 1600c.c. de duas rodas motrizes e aqui, com a ausência do campeão de 2005 – Krysztof Groblewski – Jaroslav Kalný (Peugeot 206 S1600) e Jussi Pinomaki (Renault Clio S1600) irão seguramente estar entre os favoritos, tal como o regressado Michael De Keersmeacker (Opel Corsa S1600) que foi mesmo o vencedor da prova portuguesa do ano passado e dominou os acontecimentos nesta Divisão nas primeiras corridas, até que uma lesão num pé o afastou das corridas.
Boas exibições também são esperadas da parte dos checos Václav Veverka (Peugeot 206 S1600) e Zednek Cermák (Skoda Fabia Kit-Car) bem como de Andy Martin (VW Polo S1600) e Peter Vingoerts (Peugeot 206 S1600). Nesta categoria serão seis os portugueses a participar.
Finalmente na Divisão 2, onde alinham os 2WD até 2.0 litros preparados em Grupo N, o checo Roman Castoral (Opel Astra OPC) é um favorito natural, mas é de esperar uma forte oposição por parte de nomes como Tomas Kotek (Honda Civic Type-R) Marcel Snoeijers (Renault Clio RS), Adam Kozak (Renault Clio RS) e Frank Valle (Opel Astra OPC). Sete é o número de pilotos portugueses envolvidos nesta categoria.

            
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross
Verificações técnicas no Europeu de Ralicross