Passar para o Conteúdo Principal Top
Câmara Municipal de Montalegre
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Fumeiro de Montalegre | Plataforma Online

01 Fevereiro 2021
Fumeiro de montalegre   plataforma online  cartaz  1 1024 2500

A crise epidémica acelerou o avanço da plataforma digital www.fumeirodemontalegre.pt onde está reunida a imensa oferta que gira em torno da Feira do Fumeiro de Montalegre. Um trabalho que passa a dar maior visibilidade a um certame que este ano assinalou 30 anos de existência. Este desafio - promovido pela Câmara de Montalegre e pela Associação de Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã - reúne não só os diversos produtores como também possibilita a aquisição do produto. Estamos perante uma plataforma simples, intuitiva e eficaz. Os produtores podem gerir a sua loja online com gestão de stock e vendas. Também foi desenvolvido um sistema de comunicações e alertas de forma a garantir que toda a informação seja correspondida. O processo é acompanhado pelos técnicos da Associação de Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã de forma a garantir qualidade no serviço prestado, desde o processo da compra, embalamento e entrega ao cliente.


TEM A PALAVRA

Orlando Alves | Presidente da Câmara de Montalegre
«Em articulação com a Associação de Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã, criamos uma plataforma digital para permitir o escoamento da produção. A Câmara garante o transporte. Está a correr bem. Os produtores estão a vender bem. Isto deixa-nos muito reconfortados».

Boaventura Moura | Presidente da Associação de Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã
«Peca por tardia esta aposta. Já podia ter sido feito há anos. Esta plataforma - www.fumeirodemontalegre.pt - foi a melhor publicidade que se fez ao fumeiro de Montalegre até hoje. Está a correr muito bem. Há pessoas que nunca vieram a Montalegre e que estão a encomendar fumeiro. A ideia é manter esta plataforma para o futuro. Tem sido um êxito. O que mais se vende são os enchidos. Com o carro da Câmara de Montalegre a distribuir, já seguem os presuntos inteiros».