Passar para o Conteúdo Principal Top
Câmara Municipal de Montalegre
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

CLAS Montalegre | Candidaturas Sociais e Plano de Ação 2021/2022

21 Abril 2021
Clas  reuniao   21 abril 2021   5  1 1024 2500

O CLAS Montalegre (Conselho Local de Ação Social) deu parecer favorável a uma série de candidaturas ao Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais (PARES). Neste âmbito, está a Irmandade da Santa Casa da Misericórdia, para adaptação e remodelação do Lar São José, e a CERCIMONT – Cooperativa de Educação, Reabilitação, Capacitação e Inclusão de Montalegre, para a construção do Lar Residencial e CAO. Referir que todas as candidaturas foram aprovadas pela unanimidade dos parceiros sociais presentes, exceto o Centro Distrital da Segurança Social de Vila Real, que se absteve por representar a instituição com poder decisório na aprovação deste projeto, bem como cada instituição proponente por constituir conflito de interesses e, por isso, não participaram na discussão e votação nestas matérias. Foi ainda presente o Plano de Ação para 2021/ 2022, o qual foi aprovado por unanimidade. Fátima Fernandes, vereadora da Ação Social da Câmara Municipal de Montalegre, que presidiu a esta reunião, deu ainda conhecimento da Estratégia Local de Habitação que se encontra para aprovação no IRHU (Instituto da Reabilitação Urbana).


Fátima Fernandes começou por parabenizar as entidades que submeteram as candidaturas. A responsável pela pasta da Ação Social da Câmara de Montalegre, sublinhou que «a aprovação das mesmas é de importância capital no combate à pobreza e à exclusão social com a remodelação e criação destes equipamentos sociais que tanto apoio irão prestar à população mais vulnerável». Referiu, ainda, que «o alargamento da capacidade e qualificação das respostas sociais contribui para o bem-estar e a melhoria das condições de vida dos cidadãos e das famílias, reforçando a capacidade instalada, mas dando também respostas sociais que tanta falta fazem, como é o caso do Lar Residencial, contribuindo ainda para a criação de novos postos de trabalho no âmbito da economia social». A autarca deixou a garantia que a edilidade irá «apoiar financeiramente estes projetos como é seu apanágio desde sempre».

ESTRATÉGIA 2021/2022

Quanto à estratégia local de habitação, a vereadora da Ação Social do município de Montalegre referiu que «é um documento que apresenta as necessidades e as potenciais soluções em matéria de acesso a habitação adequada e capaz de dar resposta às necessidades habitacionais dos munícipes. Fátima Fernandes esclareceu que estamos perante «um documento de extrema relevância e importância para o município», sustentado nos grandes objetivos que ostenta: qualificar o tecido urbano e potenciar o bem estar social; assegurar o acesso a uma habitação condigna a todas as famílias; dar prioridade às operações de reabilitação do parque habitacional e gerar nova habitação adaptada a suprir carências específica e promover o mercado de arrendamento no concelho.

clas__reuniao___21_abril_2021___4_
clas__reuniao___21_abril_2021___2_
clas__reuniao___21_abril_2021___3_
clas__reuniao___21_abril_2021___8_
clas__reuniao___21_abril_2021___10_
clas__reuniao___21_abril_2021___11_