Passar para o Conteúdo Principal Top
Câmara Municipal de Montalegre
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Planalto da Mourela | Vice-presidente na Antena 1

24 Maio 2016
01bf79c7a31464087296 1 1024 2500

Na véspera do Planalto da Mourela receber o prémio da União Europeia para o Património Cultural/Prémio Europa Nostra 2016, o vice-presidente da Câmara Municipal de Montalegre, David Teixeira, esteve em direto nos estúdios da rádio Antena 1 a explicar o trabalho que foi realizado.


Tal como oportunamente noticiamos, é hoje que o projeto de Desenvolvimento Sustentável do Planalto da Mourela. no Parque Nacional da Peneda-Gerês, recebe o prémio da organização Europa Nostra. Falamos de um prémio que distingue projetos na área do património. Nesse sentido, mereceram destaque 28 projetos de 16 países «pelos seus contributos exemplares» em quatro categorias: Conservação, Investigação, Serviço Dedicado ao Património e Educação, Formação e Sensibilização. Os vencedores recebem 10 mil euros.
 
ORIGINAL E CRIATIVO
 
Originalidade e criatividade do projeto foram os fatores apontados ao projeto de Desenvolvimento Sustentável do Planalto da Mourela, no Parque Nacional da Peneda-Gerês, para justificar a distinção na categoria de Educação. «O foco deste fascinante projeto está na paisagem cultural desta região e em como as atividades humanas moldaram o ambiente natural. A equipa do projeto contribui para a criação de condições de sustentabilidade neste território específico do Parque Nacional, bem como para a proteção de uma parte inestimável da herança do património europeu«, destacou o júri. O projeto em causa orientou os agricultores e pastores locais para a manutenção de uma agricultura baseada em técnicas tradicionais e nos métodos ancestrais do maneio de gado comunitário. «Este projeto visa incentivar as pessoas a viver nestas zonas rurais remotas sendo uma condição essencial para manter a preservação e a conservação da paisagem. A importância do repovoamento do território é enfatizada e o foco está centrado na revitalização dos conhecimentos tradicionais e no desenvolvimento de competências para ajudar a alcançar a preservação deste espólio rural», observou o júri no seu texto final.
Com este projeto nasceu também o Centro de Interpretação do Planalto da Mourela, que apoia o Parque Nacional. Foram criados cinco trilhos pedestres nesta zona para os visitantes, desenvolvendo o ecoturismo. Nas suas conclusões, a Europa Nostra salienta ainda que este é um caso exemplar de «preservação tangível e intangível da proteção ambiental na área do Parque Nacional da Peneda-Gerês».
 
«PICOS DA EUROPA DA PENÍNSULA IBÉRICA»
 
Como já foi dito, o vice-presidente do município de Montalegre foi convidado para estar em direto nos estúdios da Antena 1 para explicar todo o trabalho que esteve por base deste projeto vencedor. Trata-se de um reconhecimento da rádio pública a uma grande notícia que «deve encher de orgulho todos os barrosões», afirma David Teixeira. O autarca destacou que estamos perante «um projeto ambicioso» que atravessa cinco concelhos do único Parque Nacional de Portugal. Sensibilização e educação ambiental são os dois principais objetivos de uma aposta que envolveu a comunidade local. Na entrevista, o número dois da edilidade assumiu, entre vários considerandos, que estamos perante «os picos da Europa da Península Ibérica».
 
PRESIDENTE EM MADRID
 
Esta noite, no Teatro da Zarzuela, em Madrid, dá-se a cerimónia de entrega de prémios. Entre várias personalidades, está Orlando Alves, presidente da Câmara Municipal de Montalegre. Os vencedores mostram os seus projetos na "Feira da Excelência", na sede do Colégio dos Arquitetos de Madrid e participam no Congresso do Património Cultural, que decorre até sexta-feira.
Nota de rodapé para referir que a Europa Nostra, fundada em 1963, é uma organização pan-europeia de organizações não-governamentais, apoiada por entidades públicas e privadas, empresas e indivíduos. Está presente em 40 países e tem como objetivo a salvaguarda e promoção do património cultural e natural da Europa. O tenor Plácido Domingo é presidente da organização. «Todas estas iniciativas premiadas provam a importância do património para a Europa e seus cidadãos. O património cultural promove o desenvolvimento económico sustentável e é uma força de coesão nas nossas sociedades multiculturais», afirmou o cantor de ópera no comunicado que divulga os vencedores.
Planalto da Mourela | Vice-presidente na Antena 1